Dança do Ventre

Dança do Ventre.jpg

 

Para a mulher a dança do ventre traz inúmeros benefícios, tanto do ponto de vista físico e psicológico. Podemos citar alguns pontos mais visíveis e importantes:

FÍSICO

    Uma aula de dança do ventre propicia a queima  de muitas calorias, auxiliando no processo de emagrecimento;
    Tonifica e enrijece a musculatura do abdômen, pernas, braços, costas e glúteos;
    Aumenta e ativa a circulação sanguínea;
    Trabalha as articulações, melhorando seu condicionamento;
    Proporciona a reeducação postural;
    Aumenta a flexibilidade e resistência física;
    Desenvolve a coordenação motora e melhora o eixo de equilíbrio;

PSICOLÓGICO

    Desenvolvimento imediato da auto-estima: a mulher passa a observar e perceber que tem diversas qualidades que talvez nunca tenham sido trabalhadas;
    Aflora a feminilidade tornando-a mais sensual, sem resquícios de vulgaridade;
    Promove na mulher a aceitação de si mesma como ser encantador, diferenciado e belo;
    Desenvolve a agilidade mental, concentração e atenção tanto na música quanto nos movimentos.
    Estimula a criatividade;
    Através de seqüências e laboratórios/dinâmicas trabalhamos a percepção sensorial. Isso cria uma sensibilização na mulher, de forma que sua leitura musical é decodificada através de movimentos precisos e que a colocam em contato com seu interior, suas próprias emoções;
    Desta mesma forma, a timidez que muitas vezes atrapalha o processo de aprendizado é trabalhada aos poucos, possibilitando melhoria nos relacionamentos;
    Alivia o stress do dia-a-dia através do contato de grupo pela troca de experiências e informações, o que desenvolve a capacidade de sublimar os desafios;

O prazer com a dança é algo que se adquire no dia-a-dia. Com o decorrer do tempo chega-se à conclusão que é um prazer para a vida toda.

Toda mulher deveria marcar um encontro consigo mesma. Seja através da dança ou qualquer outra manifestação artística.

A dança do ventre nos possibilita vislumbrar um mundo completamente diferente daquele conhecido pelas mulheres ocidentais.

Toda mulher tem seus predicados. Descubra quais são os seus e perceba que existem muitos mais!

Por Débora Sabongi